O Vale Tudo pela “Democracia”

Desde a divulgação da conversa entre a Presidenta Dilma e o ex-Presidente Lula, ocorreram vários atos violentos em diversas cidades no Brasil contra pessoas ou instituições a favor do governo. Qualquer justificativa é válida para descer o pau: usar roupas vermelhas ou “parecer petista (?)”. Os protestos viraram um Vale Tudo pela “Democracia”, o que importa é causar o terror e o medo, os fins justificam os meios.

Constituição rasgada

Protesto na Avenida Paulista

Um grupo de centenas de pessoas se reuniu na última quarta-feira a noite no vão do Museu de Arte de São Paulo (MASP) para protestos o suposto áudio. Um casal, a estudante Isadora Schautte de 18 anos e seu namorado Lucas Brasileiros de 21 anos, que passava pela Avenida Paulista no momento foi agredido pelos manifestantes porque não concordou com o motivo do ato. Os manifestantes que estavam presentes se sentiram no direito de agredir físico e verbalmente as duas pessoas que quase foram linchadas e precisaram de ajuda para sair do local. A eficiente Polícia Militar paulista, por sua vez, não interveio até que o conflito terminou. O tenente Altamare justificou que a briga foi rápida e os policiais demoraram para perceber o que estava acontecendo. Infelizmente nem todos os comunistas morrem entre 1964-1985, entretanto, ainda é permitido bater neles, com ou sem a supervisão da polícia.

Apedrejamento

Sede da CUT em Curitiba

Em São Bernardo do Campo, São Paulo, cidade onde Lula mora, houve tumulto na frente do prédio do ex-Presidente. Dentre os feridos, consta o ex-deputado federal Vanderlei Siraque (PT) e sua esponja. Ambos estavam dentro de seu carro e afirmam que não provocaram os manifestantes Pró-Impeachment. Mesmo assim, foram agredidos e só conseguiram sair do local com ajuda da polícia. E claro que ninguém foi detido. Já em Curitiba, a sede da Central Única dos Trabalhadores (CUT) foi apedrejada e pichada com mensagens de ódio durante a madrugada da quarta para quinta-feira.

Repressão

Mensagem do Facebook

Nesta quinta-feira, circulou pela rede social Facebook a seguinte mensagem “o centro de sp tá uma doideira. amigos me avisando q skinheads tão caçando gente de vermelho ou ‘com cara de petista’ na região da santa cecília”. O clima de terror que já está instaurado na cidade de São Paulo desde ontem continua firme e forte, parece até que ganhou mais vapor. A cidade e o país viraram um ring de Vale Tudo, onde é permitido agredir o próximo porque ele não concorda com você ou tem determinada aparência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *